26 outubro, 2009

'o asfalto' ou 'como esquecer da vida em uma manhã de segunda'

Não deveríamos esperar que os pés suportassem o asfalto quente ou que nossos caminhos se cruzassem no topo da montanha mais alta nem que cães entendessem o porquê das borboletas. Mas são assim as coisas e o asfalto é quente quando chove. Sobe o vapor dos dias intensos de sol, contorsem-se os pés aliviados de dor.

E tudo o que passou é tão vazio, não nos resta a lembrança. Eu espero ainda sobreviver.

9 comentários:

MAM disse...

Bacana o seu blog...
Já que vc gosta de ilustrações e quadrinhos dá uma olhada no meu:http://cotidianoblues.blogspot.com/

Obrigado
MAM

D i c a disse...

você esquece da vida por qualquer motivo.

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Adorei!

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Carmen,

Melhor que conhecer um blog cheio de sensibilidade é sentir uma alma leve e acolhedora. Adorei a forma carinhosa que fomos recebidos.

Espero não perder contato, viu?

Beijo grande, menina linda.

Rebeca


-

Luciana disse...

Não deveríamos esperar tanta coisa da vida... Mas esperamos, culpa da esperança.

Beijo, moça.

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Néctar da Flor é um blog que sempre soube receber e retornar seus comentários. Nunca deixamos ninguém, por motivo algum, no silêncio de uma visita quando vem à nossa página. Por esse motivo queremos presentear todos os amigos, que assim como nós, sabem acolher qualquer pessoa que chega com gentileza na sua casa virtual. Sem recriminação, sem preconceito, sem frescura.



Simplesmente porque:



Acolhe com o coração!



Beijos jogados no ar, sempre!



-

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Carmen,

Que em cada sexta-feira seja festa aqui na blogosfera. Porque encontrar uma pessoa com tanta energia boa é maravilhoso. A correria é grande, mas o importante é saber que a porta de uma nova amizade fique escancarada.

=]

Adorei, adorei, adorei conhecer você.

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca

-

Francimare Araújo disse...

Esperar nada na segunda, só nos finais de semanas e feriados...

Gostei do seu blog.

Cenourette disse...

Hoje o asfalto aqui da minha rua fez tanto vapor.