17 maio, 2011

~

Aquele traço marcado...
                                  o que é?

Foi um risco que se perdeu da tinta.
Foi o corpo que faleceu no ar.
Foi o vazio de ver tudo círculo
               e não poder discutir a forma.
Foi o resto perdido no branco.

Aquela marca azul,
                                  o que é?

É uma linha entre o campo e o céu,
                           o céu e o mar.
É uma mancha no mar.

Tudo cabe dizer e tudo pode ser dito:
que é esboço, linha, lance, sinal, vestígio.
Que é rastro.
É um erro sobre o texto,
um pedaço de mágoa no inteiro,
imperceptível,
                     pequeno e mudo,
cômodo, triste.

Sem argumento.
Apoético.

2 comentários:

Amanda Lemos disse...

Muito interessante o blog !

É bom ver cada dia que passa mais originalidade nessa Blogosfera
HAHA ;) !

Deixo o meu aqui caso queira dar uma olhada, seguir...;

www.bolgdoano.blogspot.com

Muito Obrigada, desde já !

Rebecca disse...

gostei dos seus escritos (:
quase nunca leio mais que um, o que não aconteceu agora! Achei algo especial nas suas palavras.

http://cloudsandbirds.blogspot.com/